Arquivo da tag: rock

UMA LOJINHA GEEK

Ideal Shop

Estava passeando online e procurando coisinhas de decoração diferentes e caí nessa loja. O nome é Ideal Shop e vende desde artigos de decoração e livros até roupas e acessórios. Dá uma olhada. Adorei as cúpulas Times Square e Porco Aranha. *.*

Idela Shop

PLAYLIST: K-SIS

Duas meninas cantando rock já é motivo o bastante para querer ouvir. Se for K-Sis, melhor ainda!

As irmãs Keyla e Kênia nasceram em Campo Belo, em Minas Gerais, e começaram a cantar aos 8 anos. Depois de participarem de vários festivais em Minas, se mudaram para São Paulo para investir mais ainda na carreira. Chegaram a se apresentar no programa do Raul Gil e no Popstars até, num belo dia, pararem na MTV. Lá trabalharam como VJs e fizeram parte do desenho Megaliga MTV de VJs Paladinos.

A dupla tem dois álbuns: KSIS, de 2005, e Amores Cruzados, de 2008.

A música “Beijos, Blues e Poesia” chegou no primeiro lugar das paradas em 2006.

A minha música favorita é “Tem dias”:

PLAYLIST: TINA TURNER

Essa semana vamos fazer uma coisa um pouco diferente. Eu sempre falo de um CD inteiro. Hoje vou falar de uma artista no geral. Por que? Bom, porque, sinceramente, nem tenho CD dela.  Sempre escutei umas músicas, mas  nunca comprei um CD.  Essa semana estava aqui de bobeira e pus um show dela pra assistir. Aí fiquei com ódio. Ódio de mim mesma por não conhecer essa artista melhor. Então vamos conhecer juntos? Estou falando da Tina Turner.

 

Ela começou a carreira com o ex-marido, Ike Turner. Dessa fase, tem a música Proud Mary, que está sempre rolando em seriados por aí e foi assim que a conheci. Mas nem é de autoria deles, é uma regravação.

O Ike se envolveu com drogas e acabou se tornando violento. Num belo dia, Tina finalmente disse “cheeeeeeega!” e fugiu tendo só com 36 centavos no bolso. Olha que moça corajosa! A única coisa que ela pediu no divórcio foi o direito de ficar com o nome artístico, deixando as jóias e tudo mais com Ike. Sobreviveu fazendo faxina na casa de amigos até conseguir se lançar em carreira solo. Aí que a bagaça fica boa!

Ela começou regravando a música Let’s Stay Together, do Al Green. Essa música é boa tanto na voz dela quanto na do Al Green. Escutem as duas! A partir daí foi só sucesso. Vou mostrar umas músicas que eu conheço, mas a gente vai se prometer aqui que vai procurar conhecer outras, certo? Porque essa moça merece!

Private Dancer foi a primeira música solo dela que escutei. Me lembro que estava no curso de inglês e precisava completar a letra. Tem também What’s Love Got To Do With It, do mesmo CD.

A melhor de todas na minha opinião é Simply The Best. Fala do cara perfeito que é simplesmente o melhor de todos. Isso não existe, mas como é bom imaginar, né? Por favor, note que no vídeo abaixo a moça estava com APENAS 70 anos.  Se bobear, as pernas dela estão melhores do que as das dançarinas.

A música We don’t need another hero é da trilha do filme Mad Max, lembra?

Para completar o post, duas mais recentes que eu me lembro de ter escutado na rádio e visto os clipes na TV em meio às Boy Bands e Britneys e Christinas  da vida: I Don’t Wanna Fight e When The Heartache is Over.
Bônus: participação que ela fez na música do Eros Ramazzotti.

Tina, lynda, volta pro Brasil!!!

PLAYLIST: MULHERES NO ROCK

Fiz essa listinha com bandas femininas que estou chamando genericamente de rock, mas tem rock, pop rock, heavy metal, piano rock, etc. Essa lista é altamente parcial, leia-se, só tem o que eu gosto.

Minha banda de meninas favorita é a Kittie. Sabe metal? Então… ouve aí. Não se assuste com a imagem da pausa do vídeo. A historinha do clipe é as garotas da banda dando uma lição em um certo babaca.

Kittie – Die my darling

Não tão pesado, porque nem todo mundo curte metal, a Fiona Apple também me agrada muito. Depois que descobri que o estilo é chamado “piano rock”, empolguei e comecei a procurar mais artistas parecidos. Quando tiver uma lista considerável de descobertas, posto aqui.

Fiona Apple – Fast as you can

Mais: Michelle Branch estava em evidência quando eu era teen,mas eu não gostava (só ouvia rock!). Agora eu gosto.

Michelle Branch – Are you happy now 

Lembro também daquelas bandas que não estouraram, mas que eu curtia mais pelo visual do que pelo som.

Fluffy – Black eye